Se você chegou até esse texto é porque deseja de alguma forma ser valorizada pelo seu companheiro e/ou marido.

Então para isso eu preciso antes te contar essa rápida história para você entender melhor sobre o seu valor e como ser valorizada.

Leia atentamente essa história sobre ser valorizada

Você pagaria R$ 10 mil por uma coisa que eu tenho aqui para você dentro de uma caixinha?

Se eu te fizer essa pergunta, é bem provável que você responda “não sei”, ou “depende”, ou até mesmo “não, de jeito nenhum!!”. E por que? Porque você não sabe o que tem dentro da minha caixinha, então você não sabe se é algo que para você tem valor de R$ 10 mil.

Sem conhecer o conteúdo da caixinha é difícil você valorizar o que tem dentro e pagar por isso.

E se eu abrir a caixinha e te mostrar que dentro tem um clips de papel? Você paragaria R$ 10 mil?

Talvez ainda seja difícil você querer me pagar, talvez você ainda não veja valor num clips a ponto de pagar R$ 10 mil.

E se eu te disser que o clips é de ouro e pertenceu à Rainha da Inglaterra (com provas disso)? Opaaa!! Talvez você comece a dar valor para o conteúdo da minha caixinha. Talvez você até pense: “UAUUU, esse clips vale muito mais que R$ 10 mil. Eu vou ser muito louca se não pegar isso para mim!”. Percebe que o valor começa a existir a partir do conhecimento que você tem a respeito de algo?

Uma caixinha que você não sabe o que tem dentro não tem valor para você.

Uma caixinha com um clips de ouro você começa a ver valor.

Se eu revelo ainda mais detalhes da minha caixinha, no caso o fato do clips ter pertencido à Rainha, uaauuu!! O valor vai lááá para cima.

Faz sentido?

Você é essa caixinha.

Você quer que “te deem R$ 10 mil por ela” (você quer ser valorizada por um homem, você quer o amor dele, você quer que ele se entregue), mas nem você sabe o que tem dentro. Você às vezes nem quer ver o que tem dentro. Como deseja que alguém enxergue e dê valor para você? É impossível!! Isso não existe!

Aprenda a olhar para dentro da sua caixinha. Ame o que tem dentro dela, porque não existe nenhuma caixinha com conteúdo ruim dentro.

Todas as caixinhas são valiosíssimas, um verdadeiro tesouro!! Mas um tesouro que só quem enxerga e acessa é você mesma.

Autoestima envolve, inevitável e consequentemente, o autoconhecimento. Se você ainda não despertou para isso como você vai querer ser valorizada se nem você mesmo se conhece profundamente e tem orgulho dos seus valores.

Como demonstrar o seu valor para um homem e/ou seu marido?

Ser valorizada por um homem é antes de tudo, conhecer os seus valores. Conhecer o que você aceita e o que não aceita.

Gosta muito de usar aquela expressão: “quem não sabe o que quer, qualquer caminho server”.

E ai? Serve qualquer homem para você? ou você sabe como escolher quem homem cabe na sua vida?

Hoje eu vejo muitos relacionamentos que não foram para frente pois desde o início a mulher cria esperanças de que o homem vai mudar um dia. Então ela constrói um relacionamento de esperança.

Para ser valorizada, você precisa ter escolhido a pessoa certa.

Um casamento só potencializa o que as pessoas já são durante o relacionamento. Então se você já não está sendo valorizada agora, será que você já não era valorizada antes e isso apenas continuou da mesma forma?

É justamente por isso que antes de procurar ser valorizada por um homem, se pergunte se essa é mesma uma pessoa que merece a sua atenção.

Eu sempre quis casar. Mas antigamente eu queira isso porque achava lindas as noivas, achava muito legal toda a vibração da festa, queria um vestido lindo e aquele momento do brinde. Era um sonho construído sem muita base sólida.

Casamento não é nada disso

Com o tempo entendi que casamento não é nada disso. Aliás, festa de casamento nenhuma sustenta uma relação que já começou errada.

Se você já foi casada e se separou ou conhece pessoas que passaram por isso, sabe o que eu estou falando.

Casamento é o dia-a-dia do casal. Não é um documento, não é uma festa, não é uma aliança, menos ainda o vestido mara da noiva ou os chinelinhos para os convidados.

Casamento são os acordos que o casal faz em casa, quando ninguém tá vendo. É a forma como se tratam fora do instagram. São os planos em comum e o respeito e prioridade que dão a esses planos.

Não se case achando que ele vai mudar. Não se case achando que depois vai ser diferente. Não se case ignorando os sinais de um relacionamento ruim.

O casamento apenas potencializa o que já é.

Se há sinais de intolerância, depois do casamento vai ser pior. Se já sinais de indiferença, depois vai ser pior. Se há sinais de grosseria, depois vai ser pior. Se há sinais de mentiras, as mentiras vão aumentar depois.

Aprenda a ler os sinais que os homens dão. Aprenda a escolher a pessoa certa para você!

E eu ensino como escolher essa pessoa, ler os sinais, interpretar e responder aos sinais. Se você ainda não assistiu o meu Workshop Gratuito Pense Como Eles, acesse aqui e participe.

Lá eu ensino também você a se preparar para ter um relacionamento que funciona.

Comece certo e você não precisará consertar nada depois, nem precisará ter que lidar com uma separação desgastante lá na frente.