Eu já acreditei muito que mulher independente afasta os homens e que acaba sozinha. Eu realmente achava que os homens estavam à procura de uma mulher mais frágil, mais dependente, que tivesse mais à disposição deles. Uma mulher que os fizesse se sentirem fortes, poderosos, os verdadeiros heróis delas.

E eu me deparava com duas escolhas: aceitar que essa era a verdade e ficar sozinha mesmo, ou fazer algo para mudar essa tal “verdade” (ou a minha realidade).

E o que eu descobri é que…

A verdade não é essa!

HOMENS MADUROS, que têm suas próprias vidas, que não estão olhando para uma mulher para validar seu “eu”, não querem uma mulher que eles possam “dominar”, para que se sintam mais poderosos, autoconfiantes ou coisas do tipo.

Nem querem ter que “cuidar” de alguém, resolver todos os problemas da vida dessa pessoa. Homens querem se sentir cuidados, querem diversão, gostam e fazem de tudo para manterem sua liberdade.

Eles procuram paz em um relacionamento e precisam sentir que, se não puderem estar ao lado daquela mulher em um determinado momento – em razão de uma viagem, compromisso de trabalho ou apenas cansaço -, isso não será um problema, pois esta mulher tem outras coisas interessantes acontecendo na vida dela.

Homens se sentem atraídos por mulheres assim, pois elas têm uma energia e uma motivação que são inspiradoras e atraentes aos olhos deles. Mulher independente que entende e respeita a necessidade de paz do homem e traz essa energia para a vida de um homem, tem lugar garantido na vida desse cara!

Aqui está o problema…

Uma mulher independente, apesar de ter essa qualidade que os homens tanto prezam, também possui outras características, claro. Mas nem sempre muito positivas para o relacionamento.

Mulheres assim já estão tão acostumadas a fazerem tudo sozinhas, sem depender de ninguém, que acabam sem perceber fazendo isso também na vida do outro. Tomam a frente de muitas coisas, sem deixar que o outro o faça.

Não fazem por mal, mas por serem pessoas proativas, “resolvedoras” de problemas, determinadas, práticas. Características muito positivas em uma empresa, mas muitas vezes sufocantes na vida a dois.

Isso porque, essas mulheres acabam criando muitas regras, sem intenção, mas o fazem. São pequenas decisões daqui e dali que tiram a liberdade e o espaço do outro. Elas palpitam no caminho que ele (ao volante) deve percorrer, dizem que é melhor virar aqui ou ali, mostram onde estacionar o carro… e assim elas seguem determinando os passos que “juntos” vão dar.

Talvez você pense: “poxa, mas essa mulher é fantástica, resolveu todos os problemas do cara. Chegaram mais rápido ao local, estacionaram logo, muito prático!”. A questão é que as primeiras saídas com um cara e mesmo o namoro não são uma empresa em que estamos a todo momento resolvendo “pepinos”, determinando prazos e estabelecendo metas, enfim, correndo contra o tempo.

Tudo deveria ser mais leve, prazeroso e divertido, mesmo esse caminho percorrido de carro até um lugar qualquer. Não precisa ter regras, não precisa ter pressa, não precisa acertar. Deixe-o tomar decisões, é ele quem está dirigindo, afinal.

E se ele errar o caminho, perder aquela super vaga? Tudo bem, vocês apenas vão se atrasar um pouco mais para o compromisso e daí? Esse percurso deveria ser tão interessante quanto o programa em si.

Aqui dou o exemplo de apenas uma situação da vida de um casal. Mas imagine que ele chegue na sua casa disposto a fazer um jantar para você. Certamente que ele desistirá de fazer um próximo, pois você tende a querer definir a panela que ele deve usar, a quantidade de sal, se corta o tomate na transversal ou na diagonal, a altura do fogo e tudo mais.

E qual o risco que se corre dele fazer algo diferente do que você faria? A comida ficar boa ou ruim. E tudo bem se ficar ruim, deem risadas juntos e peçam algo pelo telefone.

Quando decidimos muito pelo outro, especialmente um homem, a mensagem que passamos é que não confiamos nas decisões dessa pessoa. E acredito que não é isso que você queira, certo?

EQUILÍBRIO, ESPAÇO, LEVEZA E DIVERSÃO

Mulheres independentes, vocês têm uma das característica mais apreciadas pelos homens, a energia, motivação e inspiração que eles precisam. Vocês podem viver um relacionamento incrível, com o cara que vocês sempre quiseram: maduro, disposto a vida a dois, batalhador, que as respeite e valorize e seja um super parceiro!

Mas é preciso equilíbrio para não confundir seu relacionamento com uma empresa de um chefe só (você). É preciso leveza e diversão no dia-a-dia, para as pequenas coisas da vida. Deixe a seriedade e a racionalidade para as grandes decisões que vocês tiverem que tomar, juntos. Dêem espaço para o outro entrar em sua vida, para tomar pequenas decisões.

E se ele quiser fazer um jantar para você na sua casa, valorize a atitude (para que ele repita outras vezes, quem não quer um homem cozinhando em casa?) e o deixo à vontade em sua cozinha, diga que você não quer atrapalhá-lo, mas que estará à disposição se ele precisar de algo (isso demonstra confiança, dá leveza e espaço ao outro).

Aprendi que mulher independente não afasta os homens quando entendem que, apesar de poder e conseguir fazer tudo sozinha, sem precisar de homem que faça por ela, fazer junto, ou ter alguém que faça por elas, é muito mais gostoso!

E esse é um grande segredo para atrair o homem certo, criar conexão e intimidade com um homem.

Leia também:

POR QUE ESTOU SOLTEIRA? 10 PROVÁVEIS MOTIVOS!